quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Criminosos do Sexo: Uma Estranha Habilidade, Volume 1

"Criminosos do Sexo: Uma Estranha Habilidade, Volume 1"1, "Sex Criminals" publicado originalmente pela Image Comics2, e no Brasil pela Devir3, o primeiro volume com os números um a cinco do original. Roteiro de Matt Fraction4 e arte de Chip Zdarsky5.
Uma estranha habilidade... Os protagonista da série Suzanne (Suzie) e Jonathan (Jon) se conhecem numa festa e no ato sexual ao atingirem o clímax - os dois que já sabiam individualmente da habilidade - entram num mundo de êxtase, no qual o mundo para os dois fica parado no tempo e eles podem se movimentar entre as pessoas paralisadas.

 
1. FRACTION, Matt; ZDARSKY, Chip. Criminosos do sexo: Uma estranha habilidade. Volume 1. Tradução: Guilherme Miranda. São Paulo: Devir, jul 2015.
2. IMAGE COMICS. Sex criminals. Disponível em: <https://imagecomics.com/search/results?keywords=sex+criminals> Acesso em: 23 dez 2015.
3. DEVIR. Criminosos do sexo. Disponível em: <http://devir.com.br/criminosos-do-sexo-volume-1/> Acesso em: 23 dez 2015.
4. MATT FRACTION. Disponível em: <http://mattfraction.com/> Acesso em: 23 dez 2015.
5. CHIP ZDARSKY. Disponível em: <http://zdarsky.tumblr.com/> Acesso em: 23 dez 2015.

domingo, 20 de dezembro de 2015

Star Wars: Marcas da Guerra

"Star Wars: Marcas da Guerra"1, primeiro volume da Trilogia Aftermath, um livro instigante e cheio de ação do início ao fim! Senti-me como no cinema vendo mais um filme da saga. O impressionante é que todos os livro publicados para o Universo Expandido de Star Wars até antes de 2014 foram considerados legends (lendas), que têm sua importância, pois são bons livros, mas o que importa é o que acontece a partir de agora!!!
O autor é Chuck Wending2, originalmente Star Wars: Aftermath. Publicado pela Editora Aleph3.
O que que vem depois da Estrela da Morte? Como manter a Nova República? Qual o papel dos personagens que aprendemos a amar? A guerra ainda terá grandes consequências.
Encontramos nesse primeiro volume o Capitão Wedge Antilles, Almirante Ackbar, Almirante Sloane, o garoto Temmin e a mãe, Norra Wexley, a caçadora de recompensas Jas Emari, o antigo Agente da Lealdade imperial Sinjir. Além é claro de uma aparição de Han Solo e Chewbacca.
Os remanescentes do Império tentam uma reunião para restabelecer as bases do antigo regime, mas tem algo mais!!!


1. WENDIG, Chuck. Star Wars: Marcas da Guerra - Jornada para Star Wars: O Despertar da Força. Tradução: Andre Gordino e Guilherme Kroli. São Paulo: Aleph, 2015. 410 p. ISBN: 978-85-7657-278-7.
2. GOORREADS. Chuck Wendig (Author of Blackbirds). Disponível em: <https://www.goodreads.com/author/show/17152.Chuck_Wendig> Acesso em: 20 dez 2015.
3. EDITORA ALEPH. Star Wars: Marcas da Guerra. Disponível em: <http://www.editoraaleph.com.br/site/ficcao/star-wars-marcas-da-guerra.html> Acesso em: 20 dez 2015.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

O Abrigo

Uma opção interessante o volume 1 de "O Abrigo"1, de Joshua Hale Fialkov2 (roteiro) e Joe Infurnari (arte)3, com os cinco primeiros números, publicado pela Devir4 e originalmente "The Bunker" da Oni Press, Inc.5
Graphic novel sobre um grupo de cinco amigos que descobrem um bunker de metal misterioso que veio do futuro, e que contém a prova de que eles vão fazer com que o apocalipse aconteça.

1. FIALKOV, Joshua Hale; INFURNARI, Joe. O Abrigo. Volume 1. Tradução: Kleber Ricardo de Souza. São Paulo: Devir, 2015.
2. THE FIALKOV. Disponível em: <http://www.thefialkov.com/> Acesso em: 16 dez 2015.
3. JOE INFURNARI. Disponível em: <http://www.joeinfurnari.com/> Acesso em: 16 dez 2015.
4. DEVIR. O Abrigo. Disponível em: <http://devir.com.br/o-abrigo-volume-1/> Acesso em: 16 dez 2015.
5. ONIPRESS. Disponível em: <http://onipress.tumblr.com/> Acesso em: 16 dez 2015.

domingo, 13 de dezembro de 2015

Jornada para Star Wars: O Despertar da Força

Editora Seguinte1 é um selo jovem da Companhia das Letras2, e surpreendentemente vem publicando vários livros interessantes, dentre eles a série "Jornada para Star Wars: O Despertar da Força", com quatro livros: "A arma de um Jedi - Uma aventura de Luke Skywalker"3, "A missão do contrabandista - Uma aventura de Han Solo e Chewbacca"4, "Alvo em movimento - Uma aventura da Princesa Leia"5, e "Star Wars: Estrelas perdidas"6.
Os três primeiros livros sempre começam em um futuro incerto em que um personagem relembra um fato que aconteceu. 
Na aventura de Luke, C3PO conta a história para Jessica Pava - Azul Três, codinome quando pilota uma X-Wing. A história se passou entre o Episódio IV e V, quando Luke ainda estava descobrindo os poderes da força e nas selvas de Devaron, em um antigo templo Jedi, inicia seu treinamento, mas tem que enfrentar Stormtroopers e um vilão Sarco Plank - O Abutre.
Na aventura de Han, o próprio bem mais velho está no bar Serendipidade, e escuta um grupo falando em tomar posse da Millennium Falcon, sem se identificar ele se aproxima do grupo de conta uma história que se passou entre o episódio IV e V, uma missão ultrassecreta em que tem que resgatar um oficial rebelde - Ematt - que sobreviveu a um ataque e estava isolado em Cyrkon.
Na aventura de Leia, a própria relata a um dróide para arquivo uma história que se passou entre o episódio V e VI, antes de resgatarem Han da carbonita, quando ela e um grupo de rebeldes partem em missão secreta para despistar o Império da verdadeira intenção da Aliança Rebelde de destruir a segunda Estrela da Morte.
Em Estrelas Perdidas dois personagens: Ciena Ree e Thane Kyrell. Encontraram-se na infância quando seu planeta - Jelucan foi anexado pelo Império, com a presença do Gran-Moff Tarkin. E uma paixão - naves e pilotá-las. Juntos eles brincam, estudam, treinam em uma antiga nave, mesmo com as famílias pertencendo a castas diferentes. Os dois ingressaram na Academia Militar do Império, mas com a destruição de Alderam pela Estrela da Morte, ele debanda para a Aliança Rebelde. A história dos dois perpassa por todos os eventos seguinte, Hoth, Endor, até eventos inéditos.
São histórias que prendem do início ao fim!!!

 

 

 

 

1. EDITORA SEGUINTE. Star Wars. Disponível em: <http://www.editoraseguinte.com.br/titulo/titulos.php> Acesso em: 13 dez 2014.
2. COMPANHIA DAS LETRAS. Disponível em: <http://www.companhiadasletras.com.br/> Acesso em: 13 dez 2015.
3. FRY, Jason. A arma de um Jedi: uma aventura de Luke Skywalker - Jornada para Star Wars: O despertar da força. Ilustrações: Phil Noto; Tradução: Álvaro Hattnher. 1ª ed. São Paulo: Seguinte, 2015. 202 p. ISBN: 978-85-65765-81-7.
4. RUCKA, Greg. A missão do contrabandista: Uma aventura de Han Solo e Chewbacca - Jornada para Star Wars: O despertar da força. Ilustrações: Phil Noto; Tradução: André Czarnobai. 1ª ed. São Paulo: Seguinte, 2015. 202 p. ISBN: 978-85-65765-80-0.
5. CASTELLUCCI, Cecil; FRY, Jason. Alvo em movimento: Uma aventura da Princesa Leia - Jornada para Star Wars: O despertar da força. Ilustrações: Phil Noto; Tradução: Érico Assis. 1ª ed. São Paulo: Seguinte, 2015. 250 p. ISBN: 978-85-65765-82-4.
6. GRAY, Claudia. Estrelas Perdidas - Jornada para Star Wars: O despertar da força. 1ª ed. Tradução: Fábio Fernandes, Zé Oliboni. São Paulo: Seguinte, 2015. 450 p. ISBN: 978-85-65765-83-1.

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

O Capitão Z Apresenta: Ano 2000 Programa nº 5

"O Capitão Z Apresenta: Ano 2000 Programa nº 5"1 - EBAL,  junho de 1979 originalmente as histórias eram publicadas na revista IPC Magazine - International Publishing Corporation2, criada em 1963. que depois de várias mudanças de gestão teve a empresa vendida em 2001, para a Time Warner
O número 5 que consegui contém histórias de Dan Dare, Os Hérois do Harlem, Os Caçadores de Dinossauros, Juiz Dredd, M. A. C. H. 1, e Bill Savage. Histórias curtas de três a cinco páginas que deixavam um gosto de quero mais.


1. EBAL. O Capitão Z Apresenta: Ano 2000 - Programa nº 5. Rio de janeiro: EBAL, jun 1979.
2. COMICVINE. IPC Magazine Ltd. (Publisher). Disponível em: <http://www.comicvine.com/ipc-magazines-ltd/4010-2053/> Acesso em: 09 dez 2015.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Revista Esporádica ABUTRE - Quadrinhos de Contrabando

"Revista Esporádica ABUTRE - Quadrinhos de Contrabando"1 publicada entre 1986 e 1992, foram apenas seis números. Consegui no sebo os números 1, 4 e 5. Publicadas pela Flama Editorial. A revista tinha história em quadrinhos dos grande gênios como Frank Margerin, Gilbert Shelton, Robert Crumb, Moebius, Crepax, além de histórias de desenhistas nacionais, fragmentos de contos e reportagens.




1. FLAMA EDITORIAL. Abutre, São Paulo, Flama Comercial e Distribuidora LTDA, nº 1, 4 e 5, 1986-1992.

Hoshi no Koe - The Voices of a Distant Star

"Hoshi no Koe - The Voice of a Distance Star"1, roteiro de Makoto Shinkai2 e arte de Mizu Sahara - pseudônimo de Yumeka Sumono3, publicado em 2005 no Japão por Kodansha Ltd.4 e no Brasil em 2010 pela Panini Comics5. O mangá foi adaptado da animação criada por Makoto Shinkai e pode ser vista no Vimeo6, 7
Num futuro cheio de potencial sem limites para a paz e a prosperidade interestelar, Nagamine é escolhida para fazer parte de uma equipe de pesquisa para explorar o espaço, após o contato entre seres humanos e raças alienígenas descobertas em ruínas em Marte, e que agora está em guerra com a Terra. Ela se aventura a sair para o espaço, deixando para trás Noboru, um jovem que ela ama. Ela viaja cada vez mais distante no espaço, sua única ligação com o rapaz é através de mensagens de texto de telefone celular. Mas os anos passam, e as mensagens levam anos para serem entregues, enquanto Noboru cresce e segue com sua vida... Nesse romance atemporal percebe-se que existem alguns lugares onde o homem pode não estar pronto para ir, mas a vontade de vencer as distancias pode mudar o destino.


1. SHINKAI, Makoto; SAHARA, Mizu. The voices of a distant star. São Paulo: Panini Comics, 2010. 244 p.
2. CHUVA DE NANQUIM. Otakismo - Mestres do Anime. Makoto Shinkai. Disponível em: <http://chuvadenanquim.com.br/2014/01/24/otakismo-mestres-do-anime-makoto-shinkai/> Acesso em: 07 dez 2015.
3. GOODREADS. Mizu Sahara. Disponível em: <http://www.goodreads.com/author/show/188314.Mizu_Sahara> Acesso em: 07 dez 2015.
4. KODANSHA. Disponível em: <http://www.kodansha.co.jp/> Acesso em: 07 dez 2015.
5. PANINI COMICS. The voices of a distant star. Disponível em: <http://www.paninicomics.com.br/web/guest/productdetail?viewItem=651983> Acesso em: 07 dez 2015.
6. VIMEO. The voices of a distant star. Disponível em: <https://vimeo.com/690988> Acesso em: 07 dez 2015.
7. KUROI - JBOX. Resenha: The voices of a distant star. Postado em: 01 mar 2011. Disponível em: <http://www.jbox.com.br/2011/03/01/resenha-the-voices-of-a-distant-star-editora-panini/> Acesso em: 07 dez 2015.

domingo, 6 de dezembro de 2015

KUROSAGI - Delivery Service of Corpse

"KUROSAGI - Delivery Service of Corpse - Prestação de Serviços a Cadáveres"1, 2, 3, 4,  publicado inicialmente pela Kadokawa Shoten5 no Japão em outubro de 2006 e desde 2002 passou a ser contada em Shonen Ace6, passando para Young Ace7 em 2009. Foi publicado no Brasil pela Editora Conrad8, infelizmente foram apenas três volumes. Até junho de 2015 foram publicados vinte volumes no Japão. Nos Estados Unidos é publicado pela Dark Horse Comics9.
Cinco jovens recentemente formados por uma faculdade budista, todos têm uma habilidade especial, alguns deles sobrenaturais que envolvem organismos mortos. O mais notável é Kuro Karatsu que tem a capacidade de "falar" com o recentemente falecido e ouvir seus últimos desejos. Nesta base, o grupo cria uma empresa para cumprir os desejos dos mortos na esperança de indenização. No entanto, porque os cadáveres nem sempre morrem de causas naturais ou acidentes, o grupo encontra muitas vezes uma atividade criminosa ou essa compensação é inatingível.




1. OTSUKA, Eiji; YAMAZAKI, Housui. Delivery service of corpse. V. 1. Tradução Drik Sada. São Paulo: Conrad Editora do Brasil, 2008.
2. OTSUKA, Eiji; YAMAZAKI, Housui. Delivery service of corpse. V. 2. Tradução Drik Sada. São Paulo: Conrad Editora do Brasil, 2008.
3. OTSUKA, Eiji; YAMAZAKI, Housui. Delivery service of corpse. V. 3. Tradução Drik Sada. São Paulo: Conrad Editora do Brasil, 2008.
4. WIKIPEDIA. The Kurosagi Corpse Delivey Service. Atualizado em: 22 out 2015. Disponível em: <https://en.wikipedia.org/wiki/The_Kurosagi_Corpse_Delivery_Service> Acesso em: 06 dez 2015.
5. KADOKAWA SHOTEN. Disponível em: <http://www.animenewsnetwork.com/encyclopedia/company.php?id=82> Acesso em: 06 dez 2015.
6. SHONEN ACE. Disponível em: <http://www.animenewsnetwork.com/encyclopedia/manga.php?id=5637> Acesso em: 06 dez 2015..
7. YOUNG ACE. Disponível em: <http://www.animenewsnetwork.com/encyclopedia/manga.php?id=12495> Acesso em: 06 dez 2015.
8. EDITORA CONRAD. Disponível em: <http://www.lojaconrad.com.br/lojas/conrad/__home.cfm> Acesso em: 06 dez 2015.
9. DARK HORSE COMICS. Corpse. Disponível em: <https://www.darkhorse.com/Search/corpse> Acesso em: 06 dez 2015.

Ito Samurai

A Fabrica de Desenhos1 ´e um estúdio brasileiro que atua desde 2002 com criação de mascotes, caricaturas, animações, quadrinhos e livros, pessoais e comerciais. Oferecendo também os melhores cursos online de desenho. Encontrei no sebo "Ito Samurai"2, projeto realizado em homenagem ao Centenário Brasil e Japão, comemorado em 2008, o mangá é escrito em português e japonês.


1. FÁBRICA DE DESENHOS. Ito. Disponível em: <https://afabricadedesenhos.wordpress.com/?s=ito> Acesso em: 06 dez 2015.
2. FÁBRICA DE DESENHOS. Ito Samurai. 1ª ed. Ilustrador: Márcio J. Lima.São Paulo: Fábrica de Desenhos, abr 2008. 62 p. ISBN: 978-85-910035-3-2.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Em Busca do Tempo Perdido

Marcel Proust1Valentin Louis Georges Eugène Marcel Proust (10/07/1871 - 18/11/1922), escritor e poeta francês. O seu romance "Em busca do tempo perdido"2 foi escrito entre 1908-1909 e 1922, publicada entre 1913 e 1927 em sete volumes, os três últimos postumamente.
"Em busca do tempo perdido"3 - originalmente "USHINAWARETA TOKI WO MOTOMETE", publicado pela Editora LPM4 (L&PM POCKET MANGÁ). A adaptação e a arte do mangá não são divulgados, os créditos pertence à EAST PRESS5.


1. LPM EDITORES. Marcel Proust. Disponível em: <http://www.lpm.com.br/site/default.asp?TroncoID=805134&SecaoID=948848&SubsecaoID=0&Template=../livros/layout_autor.asp&AutorID=946437> Acesso em: 01 dez 2015.
2. WIKIPÉDIA. Em busca do tempo perdido. Atualizado em: 10 nov 2015. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Em_Busca_do_Tempo_Perdido> Acesso em: 01 dez 2015.
3. PROUST, Marcel. Em busca do tempo perdido. 1ª ed. Tradução do japonês: Drik Sada; Adaptação e ilustração: Equipe East Press. Porto Alegre: L&PM, 2015. 400 p. ISBN: 978-85-254-3230-8.
4. L&PM EDITORES. Em busca do tempo perdido. Disponível em: <http://www.lpm.com.br/site/default.asp?Template=../livros/layout_produto.asp&CategoriaID=645528&ID=935252> Acesso em: 01 dez 2015.
5. EAST PRESS. Disponível em:  <http://www.eastpress.co.jp/> Acesso em: 01 dez 2015.

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

O Cão Que Guarda as Estrelas - O Outro Cão Que Guarda as Estrelas

Takashi Murakami1, 2, artista japonês escreveu em 2008 os mangás "Hoshi Mamoru Inu - O cão que guarda as estrelas"3 e em 2001 " Zoku Hoshi Mamoru Inu - O outro cão que guarda as estrelas"4. Publicados respectivamente no Brasil em 2014 e 2015, pela Editora JBC5. O primeiro foi roteirizado par ao cinema com o mesmo nome6.
Dois mangás emocionantes, que contam a história da relação humana com cães, e de como a presença deles podem alterar nosso humor. Transformando os mais pesados corações.



1. VEJA. Rei do mangá causa polêmica ao ter exposição em Versales. Postado em: 16 set 2010. Disponível em: <http://veja.abril.com.br/noticia/entretenimento/rei-do-manga-causa-polemica-ao-ter-exposicao-em-versalhes/> Acesso em: 30 nov 2015.
2. WIKIPEDIA. Takashi Murakami. Atualizado em: 03 out 2015. Disponível em: <https://en.wikipedia.org/wiki/Takashi_Murakami> Acesso em: 30 nov 2015.
3. MURAKAMI, Takashi. O cão que guarda as estrelas. São Paulo: Editora JBD, 2014.
4. MURAKAMI, Takashi. O outro cão que guarda as estrelas. São Paulo: Editora JBD, 2015.
5. EDITORA JBC. Disponível em: <http://www.editorajbc.com.br/> Acesso em: 30 nov 2015.
6. WIKIPEDIA. Hoshi Mamoru Inu. Atualizado em: 20 nov 2013. Disponível em: <https://en.wikipedia.org/wiki/Hoshi_Mamoru_Inu> Acesso em: 30 nov 2015.

sábado, 28 de novembro de 2015

Bela Assassina

"Bela Assassina"1, originalmente Beautiful Killer, publicado pela Black Bull Entertainment2, e no Brasil pela Devir3 em maio de 2003. Roteiro de Jimmy Palmiotti4 e arte de Phil Noto5.
Brigit Cole viveu os dezenove anos da sua vida numa ilha distante, onde foi educada pelos seus pais, um casal de agentes secretos foragidos. Os pais foram assassinados e Brigit vai a caça dos responsáveis. Brigit nasceu com DNA alterado, com capacidade de regeneração celular aumentada devido a experimentos da sua mãe e que o pai foi cobaia involuntariamente.


1. PALMIOTTI, Jimmy; NOTO, Phil. Bela assassina. Tradução: Leandro Luigi Del Manto. São Paulo: Devir, mai 2003.
2. MYCOMICSHOP. Comic books published by Black Bull. Disponível em: <https://www.mycomicshop.com/search?pl=Black%20Bull> Acesso em: 28 nov 2015.
3. DEVIR. Bela Assassina. Disponível em: <http://loja.devir.com.br/bela-assassina.html> Acesso em: 28 nov 2015.
4. DCWIKIA. Jimmy Palmiotti. Disponível em: <http://dc.wikia.com/wiki/Jimmy_Palmiotti> Acesso em: 28 nov 2015.
5. PHIL NOTO. The Art of Phil Noto. Disponível em: <http://www.notoart.com/> Acesso em: 28 nov 2015.

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

As Tiras Clássicas do Pelezinho

Sou fã incondicional de Mauricio de Souza1, e a há muito tempo não lia nada do Pelezinho2, publicado entre 1977 e 1982. Então caiu nas minhas mãos "As Tiras Clássicas do Pelezinho" 3, 4, em dois volumes, publicado pela Panini Comics5, o volume 1 em agosto de 2012 e o volume 2 em agosto de 2013. Os volumes trazem história publicadas no final da década de 1970. Muito divertidas!



1. O GUIA DO CURIOSOS. Mauricio de Souza. Disponível em: <http://www.guiadoscuriosos.com.br/categorias/5041/1/mauricio-de-sousa.html> Acesso em: 27 nov 2015.
2. TURMA DA MONICA. Pelezinho. Disponível em: <http://turmadamonica.uol.com.br/personagem/pelezinho/> Acesso em: 27 nov 2015.
3. SOUZA, Mauricio. As Tiras Clássicas do Pelezinho. Volume 1. Barueri, SP: Panini, ago 2012.
4. SOUZA, Mauricio. As Tiras Clássicas do Pelezinho. Volume 2. Barueri, SP: Panini, ago 2013.
5. PANINI COMICS. Disponível em: <http://www.paninicomics.com.br/web/guest/home> Acesso em: 27 nov 2015.

Star Wars: Troopers da Morte

Uma incrível história com Han Solo e Chewbacca antes de conhecerem Leia e Luke. Os dois foram capturados enquanto contrabandistas e estavam a bordo da nave-prisão Imperial Purgação, a caminho da prisão lunar Gradiente Sete. Todavia a nave para e é ancorada a um Destróier Imperial, onde quase todos os tripulantes eram mortos-vivos, frutos de um experimento macabro do Império, arquitetado por Darth Vader!
"Star Wars: Troopers da Morte"1, de Joe Schreiber2, originalmente Death Troopers de 2009. Publicado pela Editora Aleph3. Uma história impressionante que prende do início ao fim!


1. SCHREIBER, Joe. Troopers da Morte. Tradução: Caio Pereira. São Paulo: Aleph, 2015. 330 p. ISBN: 978-85-7657-270-1.
2. JOE SCHREIBER. Disponível em:  <http://joeschreiber.blogspot.com.br/> Acesso em: 27 nov 2015.
3. EDITORA ALEPH - FACEBOOK. Disponível em: <Star Wars: Troopers da Morte> Acesso em: 27 nov 2015.

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Star Trek Ano Quatro

A série original criada por Gene Roddenberry1 estreiou em 1966 na TV e teve três temporadas. Então a graphic novel "Star Trek Ano Quatro"2 revela os eventos que fariam parte da quarta temporada, reunindo os personagens clássicos e mais alguns da série animada que teve duas temporadas e 22 episódios de meia hora3. Seis história com roteiros de David Tischman e arte de Leonard O'Grady (prólogo), Steve Conley (capitulos 1, 2 e 5), Gordon Purcell (capitulos 3 e 6), Joe & Rob Sharp (capitulo 4), com cores de Leonard O'Grady.


2. TISCHMAN, David. Star Trek Ano Quatro. Arte: Leonard O'Grady (prólogo), Steve Conley (capitulos 1, 2 e 5), Gordon Purcell (capitulos 3 e 6), Joe & Rob Sharp (capitulo 4); cor: Leonard O'Grady; Tradução: Antonio C. Neto. São Paulo: Devir, 2009.
2. ALÉM DA IMAGINAÇÃO - Obituário da Fama: Gene Roddenberry. Disponível em: <http://www.alemdaimaginacao.com/Obituario%20da%20Fama/Gene_Roddenberry/gene_roddenberry.html> Acesso em: 23 nov 2015.
3. WIKIPÉDIA. Star Trek: The Animated Series. Atualizada em: 08 jul 2015. Disponível em: <https://pt.wikipedia.org/wiki/Star_Trek:_The_Animated_Series> Acesso em: 23 nov 2015.

Superman: O que aconteceu ao Homem de Aço?

Alan Moore1 tem dito ultimamente que não escreve mais histórias de super-herói! Mas enquanto o fez foi muito legal! E a arte de Curt Swan2.
Panini Comics3 publicou uma coletânea com todos as histórias que o Mago dos Quadrinhos escreveu para o Homem de Aço: "Superman: O que aconteceu ao Homem de Aço?"4
A história que dar o título da graphic novel, 'O que aconteceu ao Homem de Aço?', na verdade são duas, foram escritas logo depois da Crise nas Infinitas Terras, em 1986. Para fechar o antigo ciclo e recomeçar logo em seguida com John Byrne5, que havia sido contratado pela DC Comics6 para escrever a nova versão das histórias de  Kal-El. Essa aventura final é impactante!
A Terceira história 'A linha da selva', Superman encontra com o Monstro do Pantano quando estava infectado por um microrganismo de Kripton.
A próxima história seria o aniversário de Superman. Batman & Robin, juntamente com a Mulher Maravilha chegam à Fortaleza da Solidão e encontram o herói catatônico, envolto por uma planta alienígena e num sonho no qual estaria vivendo outra vida em Kripton, seria um presente de Mongul.


1. YOUTUBE. The Mindscape of Alan Moore Legendado Português. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=4Uh2jaFPM-E> Acesseo em: 23 nov 2015.
2. SUPERMANARTISTS. Who Inked CURT SWAN  on Superman? Disponível em: <http://www.supermanartists.comics.org/superart/curtswan.htm> Acesso em: 23 nov 2015.
3. HOTSITEPANINI. Superman: O que aconteceu ao Homem de Aço? Postado em: jul 2013. Disponível em: <http://hotsitepanini.com.br/dc/publicacao/superman-o-que-aconteceu-ao-homem-de-aco/> Acesso em: 23 nov 2015.
4. MOORE, Alan. Superman: O que aconteceu ao Homem de Aço? Barueri, SP: Panini Comics, 2013.
5. JOHN BYRNE ART. Disponível em: <http://www.johnbyrneart.com/> Acesso em: 23 nov 2015.
6. DC COMICS. Disponível em: <http://www.dccomics.com/> Acesso em: 23 nov 2015.

sábado, 21 de novembro de 2015

Samurai

Publicação original da Dark Horse1, Samurai: Heaven & Earth, publicado em dois volume de cinco números cada e publicado no Brasil através da Devir Livraria2, 3, o volume 1 "O céu e a terra"4, em 2007 e o volume 2, "Até o fim do mundo"5, em 2010. Roteiro de Ron Marz6 e arte do brasileiro Luke Ross (Luciano Queiros)7.
No volume 1 - Japão feudal 1704, Shiro,  um samurai, e sua amada Yoshiko. Após uma batalha sua amada é raptada e sua busca o leva à Europa e enfrenta os Mosqueteiro de Luis XIV, mas sua amada é novamente raptada por um espanhol. No volume 2 - vai  Tripoli e tem que enfrentar o exército de um Pasha em pleno deserto.

 

1. DARK HORSE. Samurai. Disponível em: <https://www.darkhorse.com/Search/SAMURAI%3A%20HEAVEN%20AND%20EARTH> Acesso em: 21 nov 2015.
2. DEVIR. Samurai#1: O céu e a Terra. Disponível em: <http://empresas.devir.com.br/samurai-1:-o-ceu-e-a-terra> Acesso em: 21 nov 2015.
3.. DEVIR. Samurai#2: Até o fim do mundo. Disponível em: <http://empresas.devir.com.br/samurai-2:-ate-o-fim-do-mundo> Acesso em: 21 nov 2015.
4. MARZ, Ron; ROSS, Luke; KEITH, Jason. Samurai: O Céu e a Terra. Tradução: Kleber de Sousa; Letras: Paulo Tavares. São Paulo: Devir, 2007.
5. MARZ, Ron; ROSS, Luke; SCHWAGER, Rob; JACKSON, Dan. Samurai: Até o fim do mundo. Tradução: Reinaldo Fraga. São Paulo: Devir, 2010.
6. RON MARZ BLOG. Message from Marz. Disponível em: <http://ronmarz.com/> Acesso em: 21 nov 2015.
7. COMIC VINE. Luke Ross (Person). Disponível em: <http://www.comicvine.com/luke-ross/4040-23686/> Acesso em: 21 nov 2015.

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Star Wars: O Último Comando

Finalmente terminei! Conclusão da Trilogia Thrawn1: "Star Wars: O Último Comando"2, de Timothy Zahn3. Publicação da Editora Aleph4
A batalha final entre os heróis da Nova República contra o terrível jedi Joruus C'Baoth e o Grão-Almirante Thrawn. Mais um capítulo emocionante do Universo Expandido de Star Wars5.


1. LIVROS EM SÉRIE. Trilogia Thrawn. Disponível em: <http://livrosemserie.com.br/sagas/t/trilogia-thrawn/> Acesso em: 20 nov 2015.
2. ZAHN, Timoty. O último comando. Tradução: Fabio Fernandes. São Paulo: Aleph, 2015. 530 p. ISBN: 978-85-7657-269-5.
3. MCMILLAN. Timoty Zahn. Disponível em: <http://us.macmillan.com/author/timothyzahn> Acesso em: 20 nov 2015.
4. EDITORA ALEPH. Star Wars: O último comando. Disponível em: <http://www.editoraaleph.com.br/site/star-wars-o-ultimo-comando.html> Acesso em: 20 nov 2015.
5. CONSELHO JEDI - São Paulo. Como começar no Universo Expandido. Disponível em: <http://www.conselhosp.com/site/como-comecar-no-universo-expandido/> Acesso em: 20 nov 2015.

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Cheap Thrills - Big Brother & The Holding Company

"Cheap Thrills"1, escutar esse disco (LP - Long Play) é uma pancada na cabeça. Uma boa pancada! 
Foi o segundo disco da banda de rock "Big Brother & The Holding Company"2, lançado em 1968, e o último álbum de Janis Joplin3 como vocalista principal da banda. O LP que tenho foi produzido pela CBS - Columbia Broadcasting System, em 1978. A CBS foi comprada pela SONY, passando a ser chamada SONY Music Entertainment.
E de quebra uma das faces da capa do disco tem a arte de Robert Crumb4, figura importantíssima para o movimento de arte underground.
São sete faixas, das quais três foram gravadas ao vivo no Bill Graham's Auditorium:
LADO A:
Combination of the Two (S. Andrew; guitarra de James e vocal de Sam); 
I Need a Man to Love (Sam e Janis Joplin; vocal de Janis e guitarra de Sam); 
Summertime (Gershwin Bros; vocal de Janis e arranjos de S. Andrew); 
Piece of my Heart (Bert Berns; vocal de Janis e guitarra de Sam).
LADO B:
Turtle Blues (J. Joeliy; vocal de Janis, piano de John Simon e guitarra de Peter); 
Oh, Sweet Mary (J. Joplin e P. Albin; vocal de Sam A. e guitarra de Peter A.); 
Ball and Chain ('Big Mama' Thornton; vocal Janis e guitarra de James Gurley).

Banda: Janis Joplin (vocal), Peter S. Albin (guitarra e baixo), Dave Getz (bateria), Sam Houston Andrew III (guitarra de base e ocais em Combination Of The Two e Oh, Sweet Mary), James Gurley (guitarra), John Simon (piano em Turtle Blues).
Engenharia de som: Fred Catero, Jerry Hochman, Roy Segal, Janis Joplin e James Gurley.



1. BIG BROTHER & THE HOLDING COMPANY. Cheap Thrills. Brasil: CBS, 1978.
2. BBHC - Big Brother and the Holding Company. Disponível em: <http://www.bbhc.com/> Acesso em: 18 nov 2015.
3. ROLLINGSTONE. O adeus a Janis Joplin. Edição 49, out 2010. Disponível em: <http://rollingstone.uol.com.br/edicao/49/o-adeus-a-janis-joplin#imagem0> Acesso em: 15 nov 2015.
4. ROBERT CRUMB. Disponível em: <http://www.crumbproducts.com/> Acesso em: 15 nov 2015.

domingo, 15 de novembro de 2015

Mãos Dadas: A Busca da Luz Interior

"Mãos Dadas: A Busca da Luz Interior"1, livro de minha amiga, escritora e advogada Maria Hilderlucy Nogueira Alencar2, publicado pela Premius Editora3, no ano de 2008. Ilustrado por Josimário Façanha4.
O livro conta a história de Lucas e Mateus, dois garotos que vivem uma aventura com um dragão. A autora se apropriou do nome de seus familiares (filhos e esposo) para contar essa aventura emocionante e cheia de descobertas.


1. ALENCAR, Maria Hilderlucy Nogueira. A Busca da Luz Interior. Fortaleza: Premius, 2008. 82 p.
2. MARIA  Hilderlucy Nogueira Alencar - LINKEDIN. Disponível em: <https://br.linkedin.com/in/maria-hilderlucy-nogueira-alencar-9660749b> Acesso em: 15 nov 2015.
3. PREMIUS EDITORA E GRÁFICA. Mãos Dadas: A Busca da Luz Interior. <http://www.netserv19.com/ecommerce_site/produto_85837_1599_Maos-Dadas-a-Busca-da-Luz-Interior-Autora-Maria-Hilderlucy-Nogueira-Alencarhttp://www.netserv19.com/ecommerce_site/produto_85837_1599_Maos-Dadas-a-Busca-da-Luz-Interior-Autora-Maria-Hilderlucy-Nogueira-Alencar> Acesso em: 15 nov 2015.
4. JOSIMÁRIO Façanha - FACEBOOK. Disponível em: <https://pt-br.facebook.com/jota.fa.9> Acesso em: 15 nov 2015.

sábado, 14 de novembro de 2015

Star Wars: Sombras do Império

Star Wars1 está na moda esse ano! E para não perder o ritmo, li o oitavo livro do Universo Expandido2 esse ano "Star Wars: Sombras do Império"3, de autoria de Steve Perry4, publicado em 1996, preenche o hiato que ficou entre o Episódio V (O Império contra-ataca) e VI(O Retorno de Jedi). Reencontramos a Princesa Leia totalmente arrasada com 'a perda' de Han Solo, que havia sido congelado em carbonita e levado por Boba Feet á Jabba, O Hutt. E nesse livro percebemos como Luke passa a ser mais íntimo da força, desenvolvendo os seus poderes, ao mesmo tempo que tem que se defender das investidas de Darth Vader, tem que enfrentar um adversário poderosíssimo - Xizor, líder de uma organização criminosa aliada do Império. Publicado pela Editora Aleph5.


1. STAR WARS. Disponível em: <http://br.starwars.com/> Acesso em: 14 nov 2015.
2. VICTOR, Darth - AOSUGO. Conhecendo o Universo Expandido de Star Wars. Disponível em: <http://aosugo.com/2012/05/25/universo-expandido/> Acesso em: 14 nov 2015.
3. PERRY, Steve. Star Wars: Sombras do Império. Tradução: Alexandre Mandarino. São Paulo: Aleph, 2015. 450 p.
4. SOULOFCARP. Steve Perry The Writer. Disponível em: <http://www.soulofacarp.com/sperry/> Acesso em: 14 nov 2015.
5. EDITORA ALEPH. Disponível em: <http://www.editoraaleph.com.br/site/> Acesso em: 14 nov 2015.

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Os Escapistas

"Os Escapistas"1 de Brian K. Vaughan2, com arte de Steve Rolston, Jason Shawn Alexander, Philip Bond e Eduardo Barreto; cores de Dave Stewart, Matthew Hollingsworth, Paul Hornschemeier e Dan Jackson; e os capistas James Dean e John Cassaday. BD baseada no personagem de Michael Chabon3, no romance "As incríveis aventuras de Kavalier & Clay". HQ publicada originalmente pela Dark Horse Comics4 e editada no Brasil pela Devir Editora5.
O Escapista era um personagem em quadrinhos criado pelos protagonistas do romance de Chabon, que eram artistas da nona arte na década de quarenta e supostamente o desenharam. Então, uma graphic novel foi escrita e já comentada aqui no blog6, e vários artistas participaram roteirizando e desenhando diversas histórias. A BD Os Escapistas se passa no dias atuais, e conta a história de novos artistas que amam o personagem e fazem uma revista em quadrinhos independente no qual O Escapista é o personagem principal.


1. VAUGHAN, Brian K. Os Escapistas. Prestidigitador: Michael Chabon; Desenhos: Steve Rolston, Jason Shawn Alexander, Philip Bond e Eduardo Barreto; Cor: Dave Stewart, Matthew Hollingsworth, Paul Hornschemeier e Dan Jackson; Capas: James Dean e John Cassaday. São Paulo> Devir, 2010.
2. IMDB. Brian K, Vaughan. Disponível em: <http://www.imdb.com/name/nm1592205/> Acesso em: 11 nov 2015.
3. MICHAEL CHABON. Disponível em: <http://michaelchabon.com/> Acesso em: 11 nov 2015.
4. DARK HORSE COMICS. Disponível em: <https://www.darkhorse.com/> Acesso em: 11 nov 2015.
5. DEVIR. Disponível em: <http://loja.devir.com.br/> Acesso em: 11 nov 2015.
6. BANDA DESENHADA E FANTASIA. O Escapista. Postado em: 25 jun 2011. Disponível em: <http://irineu-bandadesenhadaefantasia.blogspot.com.br/search?q=escapista> Acesso em:

terça-feira, 10 de novembro de 2015

Tarzan: Contos da Selva

Fantástico quando se tem a oportunidade de curtir um clássico revisitado! Como o Tarzan1, de Edgar Rice Burroughs2 em "Tarzan: Contos da Selva"3, são doze contos publicados originalmente pela Dark Horse Comics4, e publicados no Brasil pela Pixel Media5. São contos adaptados dos originais por Martin Powell6 e cada um teve a arte de artistas diferentes: Diana Leto; Pablo Marcos, Diego Rondón e Oscar Gonzales;  Lowell Isaac; Will Meugniot; Nik Poliwko; Steven E. Gordon; Jamie Beatty; Mark Wheatley; Sergio Cariello, Patrick Gama e Dave Lanphear; Tomás M. Aranda; e, Carlos Argüello.
Os contos retratam Tarzan antes de conhecer Jane. Vivendo livremente na floresta antes dos vinte anos. Comportando-se como um adolescente que descobre o mundo e se vê diferente dos gorilas que o criaram. Peralta, atrevido, valente e herói!


1. GOCOMICS. Tarzan by Edgar Rice Burroughs. Disponível em: <http://www.gocomics.com/tarzan> Acesso em: 10 nov 2015.
2. EDGAR RICE BORROUGHS. Disponível em: <https://www.edgarriceburroughs.com/> Acesso em: 10 nov 2015.
3. BORROUGHS, Edgar Rice. Tarzan: Contos da Selva. Roteiros: Martin Powell; Arte: Diana Leto; Pablo Marcos, Diego Rondón e Oscar Gonzales;  Lowell Isaac; Will Meugniot; Nik Poliwko; Steven E. Gordon; Jamie Beatty; Mark Wheatley; Sergio Cariello, Patrick Gama e Dave Lanphear; Tomás M. Aranda; e, Carlos Argüello. Rio de janeiro: Ediouro Publicações LTDA, 2015. 144 p.
4. DARK HORSE COMICS. Edgar Rice Borroughs' Jungle Tales of Tarzan HC. Disponível em: <https://www.darkhorse.com/Books/27-839/Edgar-Rice-Burroughs-Jungle-Tales-of-Tarzan-HC> Acesso em: 10 nov 2015.
5. EDIOURO. Disponível em: <http://www.ediouro.com.br/novo/> Acesso em: 10 nov 2015.
6. MARTIN POWELL, My life and times - Blogspot. Disponível em: <http://martinpowell221bcom.blogspot.com.br/> Acesso em: 10 nov 2015.

domingo, 8 de novembro de 2015

O Fantasma Volume 3: O Tesouro do Fantasma

E continuando a falar de clássicos, o volume 3 de "O Fantasma: O Tesouro do Fantasma" 1, publicado pela Pixel Media2 vem com as tiras publicadas entre 14 de julho de 1941 e 31 de janeiro de 1942, foi a décima quinta aventura em tiras do mascarado das selvas. Roteiro do inigualável Lee Falk3 e arte de Ray Moore (Raymond S. Moore)4. Enquanto terminava o salvamento de sua amada Diana, recebe a notícia que seu tesouro acumulada a séculos, para a luta contra a pirataria, havia sido roubado e descobre que os bandidos contaram com a ajuda do filho do seu fiel Guran - Timo. agora tem que correr contra o tempo e descobrir os comparsas do crime.


1. FALK, Lee; MOORE, Ray. O Fantasma: O Tesouro do Fantasma. Número 3. Rio de Janeiro: Pixel Media, 2015.
2. EDIOURO. Disponível em: <http://www.ediouro.com.br/novo/> Acesso em: 08 nov 2015.
3. THE PHANTON. Lee Falk. Disponível em: <http://thephantomcomics.com/lee-falk/> Acesso em: 08 nov 2015.
4. THE GHOST WHO BLOGS. Phanton artist profile - Ray Moore. Disponível em: <http://falkonthewildside.blogspot.com.br/2010/02/phantom-artist-profile-ray-moore.html> Acesso em: 08 nov 2015.

Agente Secreto X-9

Ler um clássico dos quadrinhos é sempre um prazer! Achei no sebo um exemplar de "Agente Secreto X-9 - Volume 3"1, publicado em Portugal. em abril de 1982, pelas Edições 702, e distribuído no Brasil pela Livraria Martins Fontes3. A BD contem uma tira publicada entre 28 de junho de 1934 e quinze de setembro de 1934. Roteiro do Grande Alex Raymond4 e arte de Dashiell Hammett5.


1.RAYMOND, Alex; HAMMETT, Dashiel. Agente Secreto X-9 (28.6.1934 - 15.4.1934). Volume 3. Lisboa, Portugal: Edições 70, abr 1982.
2. EDIÇÕES 70. Disponível em: <http://www.edicoes70.pt/site/> Acesso em: 08 nov 2015.
3. LIVRARIA MARTINS FONTES. Disponível em: <http://www.martinsfontespaulista.com.br/> Acesso em: 08 nov 2015.
4. LATINO, Mario - GRAPHIQBRASIL. Cartunistas Favoritos - Alex Raymond. Disponível em: <http://www.graphiqbrasil.com/cartunistas/alexraymond.html> Acesso em: 08 nov 2015.
5. LPM. Vida e Obra - Dashiel Hammett. Disponível em: <http://www.lpm.com.br/site/default.asp?TroncoID=805134&SecaoID=948848&SubsecaoID=0&Template=../livros/layout_autor.asp&AutorID=945393> Acesso em: 08 nov 2015.

sábado, 7 de novembro de 2015

Big Guy & Rusty, O Menino-Robô

"Big Guy & Rusty, O Menino-Robô"1, de Frank Miller2 e Geof Darrow3, publicado em 2009 pela Devir Livraria4, originalmente "Big Guy and Rusty the Boy Robot", publicado em duas edições pela Dark Horse Comics5, em 1995, e logo também se tornou uma série animada6 nos EUA, na Fox Kids e teve vinte e seis episódios, entre dezoito de setembro de 1989 até cinco de março de 2001.
A BD publicada pela Devir vem com as duas histórias e os heróis enfrentam uma aberração genética que está destruindo Tóquio.


1. MILLER, Frank; DARROW, Geof. Big Guy & Rusty, O Menino-Robô. Tradução: Marquito Maia. São Paulo: Devir, 2009. 82 p.
2. AMAZON. Frank Miller. Disponível em: <http://www.amazon.com/Frank-Miller/e/B000AP9LKU> Acesso em: 07 nov 2015.
3. GEOF DARROW. Disponível em: <http://geofdarrow.tumblr.com/> Acesso em: 07 nov 2015.
4. DEVIR LIVRARIA. Big Guy & Rusty, O Menino-Robô. Disponível em: <http://loja.devir.com.br/big-guy-rusty-o-menino-robo.html> Acesso em: 07 nov 2015.
5. DARK HORSE COMICS. Disponível em: <https://www.darkhorse.com/> Acesso em: 07 nov 2015.
6. WIKIPEDIA. Big Guy and Rusty the Boy Robot (TV series). Atualizado em: 11 set 2015. Disponível em: <https://en.wikipedia.org/wiki/Big_Guy_and_Rusty_the_Boy_Robot_(TV_series)> Acesso em: 07 nov 2015.

sábado, 31 de outubro de 2015

Coleção Centenário

Uma coleção imperdível, que mesmo aqueles que não curtem a literatura de cordel1, 2, não podem perder! "Coleção Centenário"3, da Editora IMEPH4. São quatro cases com vinte e cinco cordéis cada, nos quais os dois primeiros volumes contém cordéis clássicos e os volumes três e quatro com cordéis contemporâneos. Lançados para comemorar o centenário de Juazeiro do Norte em 2011,





1. CORDEL DO BRASIL. Disponível em: <http://cordeldobrasil.com.br/v1/> Acesso em: 31 out 2015.
2. ABLC - Academia Brasileira de Literatura de Cordel. Disponível em: <http://www.ablc.com.br/> Acesso em: 31 out 2015.
3. EDITORA IMEPH. Coleção Centenário - Cordéis Clássicos. Vol. 1-4. Fortaleza: Editora IMEPH, 2011.
4. EDITORA IMEPH. Disponível em: <http://imeph.com.br/> Acesso em: 31 out 2015.

sábado, 24 de outubro de 2015

Mulher Serpente

Em 2007 a Panini1 publicou alguns títulos da Virgin Comics, - atualmente Liquid Comics2, 3 que era uma divisão da join venture entre a Virgin Music4 e a Gotham Entertainment5. Entre esses a minissérie em duas partes: Mulher Serpente6, do diretor indiano Shekhar Kapur7, roteiro de Zeb Wells8 e arte de Michael Gaydos9. Todavia, a Virgin Comics fechou as portas em 2008.

 

1. PANINI COMICS. Disponível em: <http://www.paninicomics.com.br/web/guest/home> Acesso em: 24 out 2015.
2. LIQUID COMICS. Disponível em: <http://www.gotham-entertainment.com/index.html> Acesso em: 24 out 2015.
3. WIKIPEDIA. Liquid Comics. Atualizado em: 21 ago 2015. Disponível em: <https://en.wikipedia.org/wiki/Liquid_Comics> Acesso em: 24 out 2015.
4. VIRGIN. Disponível em: <http://www.virgin.com/> Acesso em: 24 out 2015.
5. GOTHAM ENTERTAINMENT. Disponível em: <http://www.gotham-entertainment.com/index.html> Acesso em: 24 out 2015.
6. KAPUR; Shekhar; WELLS, Zeb; GAYDOS, Michael. Mulher Serpente. Volumes 1-2. Barueri, SP: Panini Comics, ago/set 2007.
7. SHEKHAR KAPUR. Disponível em: <http://shekharkapur.com/blog/> Acesso em: 24 out 2015.
8. COMIC VINE. Zeb Wells. Disponível em: <http://www.comicvine.com/zeb-wells/4040-43083/> Acesso em: 24 out 2015.
9. MICHAEL GAYDOS. Disponível em: <http://www.michaelgaydos.com/> Acesso em: 24 out 2015.

Senhor Milagre

Em outubro de 2003 a Opera Graphica Editora1, publicou o primeiro volume "Senhor Milagre Volume 1"2, de Jack 'The King' Kirby3, do que seriam três volumes. em preto e branco. O volume com as primeira histórias de Mister Miracle - Scott Free, de 1971, no número um ao seis. Todavia, o projeto não se completou e apenas o volume 1 foi lançado.
A primeira vez que ele apareceu foi nas revista dos Novos Deuses. Teria feito parte de uma barganha de paz entre o Pai Celestial - Izaya e Darkside, onde os filhos foram trocados. Órion o filho de Darkside cresceu com os Novos Deuses e Scott em Apokolips.
No primeiro volume, após anos de treinamento consegue fugir para a Terra, o que inicia uma nova guerra contra Nova Gênese. Na Terra, Scott é acolhido porr Thadeus Brown, o primeiro Senhor Milagre, assumindo seu mando após seu assassinato pela Intergangue. Scott vinga sua morte, prendendo o líder - Mão de Aço.


1. GUIA DOS QUADRINHOS. Opera Graphica. Disponível em: <http://www.guiadosquadrinhos.com/editora/opera-graphica/12> Acesso em: 25 out 2015.
2. KIRBY, Jack. Senhor Milagre. Volume 1. São Paulo: Opera Graphica Editora, 2003.
3. KIRBY MUSEUM. Jack Kirby Biography. Disponível em: <http://kirbymuseum.org/biography/> Acesso em: 24 out 2015.

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Modotti - Uma Mulher do Século XX

"Modotti - Uma Mulher do Século XX"1, de Ángel de la Calle2, obra originalmente publicada em duas partes, publicado pela Conrad Editora3, em 2005.
O autor Ángel de la Calle, nasceu em Salamanca, em 1958, publicou seus primeiros quadrinhos durante a segunda metade da década de 1970. Eles apareceram no underground comix espanhol e na revista Star. Na década de 1980 ele publicou algumas histórias curtas ocasionais em revistas adultas Besame Mucho, Rambla, Rampa Rambla, Comix Internacional e El Víbora. Ángel de la Calle, também esteve envolvido em outras atividades relacionadas a quadrinhos, como a organização de eventos como La Semana Negra de Gijón, a edição de revistas sobre o meio de quadrinhos e da publicação de livros sobre artistas de quadrinhos.
A BD é biográfica e Tina Modotti4 - Assunta Adelaide Luigia Modotti Mondini (1896-1942), fotógrafa italiana, modelo, atriz e ativista político revolucionário. Ela nasceu em Udine, Friuli, na Itália. Em 1913, com a idade de 16 anos, ela emigrou para os Estados Unidos para se juntar a seu pai, em São Francisco, atuou em várias peças, óperas e filmes mudos no final dos anos 1910 e início dos anos 1920, e também trabalhou como modelo de um artista. Em 1918, ela se casou com Roubaix "Robo" de l'Abrie Richey e se mudou com ele para Los Angeles para perseguir uma carreira na indústria cinematográfica. Lá ela conheceu o fotógrafo Edward Weston e seu assistente Margrethe Mather. Em 1921, Modotti foi modelo favorito de Weston e, em outubro do mesmo ano, seu amante. Modotti e Weston giravam em torno da cena boêmia da capital. Nessa época Modotti envolveu-se com políticos radicais e comunistas, incluindo três líderes do Partido Comunista Mexicano. Em dezembro de 1929 foi anunciado como "A Primeira Exposição Fotográfica Revolucionário No México." Em 10 de Janeiro de 1929 seu camarada e companheiro Julio Antonio Mella foi assassinado. Como resultado da campanha anti-comunista do governo mexicano, Modotti foi expulsa do México em fevereiro de 1930, e colocado sob guarda em um navio com destino a Roterdão. O governo italiano fez esforços concertados para extraditá-la como um subversivo nacional, mas com a ajuda de ativistas da Red Aid International, evitou-se sua detenção pela polícia fascista. Viajando com um visto restrito que mandatou o seu destino final a Itália, Modotti inicialmente parado em Berlim e de lá visitou Suíça. Mudou para Moscou em 1931. Durante os próximos anos, ela envolvida em várias missões em nome de organizações de Socorro Internacional dos Trabalhadores e do Comintern na Europa. Quando a Guerra Civil Espanhola entrou em erupção em 1936, Vidali (então conhecido como "Comandante Carlos") e Modotti (usando o pseudônimo "Maria") deixaram Moscou para a Espanha, onde permaneceram e trabalharam Em abril de 1939, após o colapso do movimento republicano na Espanha, Modotti deixou a Espanha com Vidali e retornaram ao México. Modotti morreu de insuficiência cardíaca na Cidade do México, em 1942, sob o que é visto por alguns como circunstâncias suspeitas. Modotti pode ter "conhecido demais" sobre as atividades da Vidali em Espanha, que incluiu uma rumores 400 execuções. Seu túmulo está localizado dentro do vasto Panteón de Dolores na Cidade do México. Poeta Pablo Neruda compôs o epitáfio de Tina Modotti, parte do qual também podem ser encontradas em sua lápide, que inclui também um retrato do relevo de Modotti pelo gravador Leopoldo Méndez:

"Puro é seu nome suave, pura sua vida frágil,
abelhas, sombras, fogo, neve, silêncio e espuma,
combinado com o aço e fio e
pólen para fazer a sua empresa
e delicado estar".


1. CALLE, Ángel de la. Modotti - Uma Mulher do Século XX. São Paulo: Conrad Editora, 2005. 230 p. ISBN: 85-7616-128-1.
2. LAMBIEK. Ángel de la Calle. Disponível em: <https://www.lambiek.net/artists/d/de-la-calle_angel.htm> Acesso em: 23 out 2015.
3. CONRAD EDITORA. Disponível em: <http://www.lojaconrad.com.br/lojas/conrad/__home.cfm?CFID=24373730&CFTOKEN=5416326e609f13cc-EBAB6E79-FFC5-56B7-17895E9ABD511E85> Acesso em: 23 out 2015.
4. MODOTTI. Biography. Disponível em: <http://www.modotti.com/?page_id=5> Acesso em: 23 out 2015.